17 de fevereiro de 2016

O PRIMEIRO PASSO

Quando temos que percorrer alguma distância, geralmente analisamos o tempo a ser percorrido e o desgaste que empreenderemos para percorrermos a devida distancia, é nesse momento que muitos desistem, porque olham para a dificuldade do percurso e se esquecem de que, ao final, mais uma etapa foi vencida.

E tudo isso depende do primeiro passo.

Quando observamos uma determinada distancia podemos calcular que teremos de percorrer certa quantidade de quilômetros e alguém pessimista logo dirá: Teremos de percorrer 200 quilômetros e ainda faltam 195 quilômetros, só percorremos 5 quilômetros, mas um otimista dirá: Já percorremos % quilômetros e só faltam 195 quilômetros. Tudo dependerá do ponto de vista de cada um. Mas só chegaremos ao destino se nos desprendermos e começarmos a caminhada.

Imagine você quando olhamos uma foto de um navio saindo de um porto com destino a outro continente, por maior que seja o navio, nós o vemos como um simples ponto perdido no oceano, se considerarmos a distancia a ser percorrida, é como se fosse uma tarefa impossível de se realizar, mas mesmo assim ele parte, dias depois chega ao seu destino. Como é que queremos alcançar nossos objetivos senão dermos o primeiro passo? Se só vemos dificuldades, teremos pouco ânimo e nossa força será pouca, é preciso desatar o navio e percorrer o caminho no mar, é preciso vencer as tempestades, é preciso coragem, ânimo e força, e logo veremos o porto desejado.

Às vezes, em meio ao caminho, queremos desistir, parece que nos faltam forças e o mais lógico é entregar os pontos, parar, dar-se por vencido, mas é nesse momento que algo sobrenatural acontece, Ele desce para te dar ânimo, para renovar as tuas forças, para renovar as promessas na tua vida e para te garantir a vitória. O desânimo bate de porta afora, as forças são renovadas e novamente você recomeça a caminhada até atingir o objetivo.

A Palavra de Deus diz:

Isaías 40:28-31 - 

Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fatiga? É inescrutável o seu entendimento. Dá força ao cansado, e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. Os jovens se cansarão e se fatigarão, e os moços certamente cairão; mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão. 

Essa história é relatada no Salmo 107 como transcrevemos a seguir:

Salmos 107:23-31

Os que descem ao mar em navios, mercando nas grandes águas. Esses vêem as obras do SENHOR, e as suas maravilhas no profundo. Pois ele manda, e se levanta o vento tempestuoso que eleva as suas ondas. Sobem aos céus; descem aos abismos, e a sua alma se derrete em angústias. Andam e cambaleiam como ébrios, e perderam todo o tino. Então clamam ao Senhor na sua angústia; e ele os livra das suas dificuldades. Faz cessar a tormenta, e acalmam-se as suas ondas. Então se alegram, porque se aquietaram; assim os leva ao seu porto desejado. Louvem ao Senhor pela sua bondade, e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens.

É preciso dar o primeiro passo, é preciso enfrentar a distancia, é preciso começar a contagem regressiva e crer que falta pouco, muito pouco para chegar.

Um passo pode ser pouco, mas é o começo de uma longa caminhada, um dia, olharemos para trás e veremos que, de passo em passo, vencemos as lutas e alcançamos muitas vitórias.

Um abraço e até a próxima, se Deus permitir.


*Dário Gomes de Araujo é Evangelista da Igreja Assembleia de Deus e atualmente é gestor na cidade de São José do Egito-PE.

0 comentários:

Postar um comentário