25 de dezembro de 2016

NEUTRO

EDILSON NÃO FARÁ CAMPANHA À PRESIDÊNCIA DA CÂMARA DE VEREADORES

O prefeito eleito de Toritama, Edilson Tavares comandou uma reunião entre seus partidários, na noite desta sexta-feira, 23, no Diretório do PMDB. Ele assumiu a sua posição neutra frente a disputa pela presidência da Câmara de Vereadores de Toritama, repassou informes gerais sobre o andamento da coleta de informações pela equipe de transição de governos e falou sobre a instalação do futuro governo.

Edilson Tavares informou que nos últimos 40 dias têm trabalhado diariamente estudando a sistemática do funcionamento da prefeitura municipal. Ele revelou que encontrou, junto da sua equipe, diversos problemas, os quais considerou como graves e leves. Edilson se mostrou, entretanto, tranquilo e convencido de que tais problemas podem ser resolvidos com dedicação, planejamento e combatendo os desperdícios. Diante dos vários problemas, Edilson anunciou que fará uma gestão de otimização dos recursos e cortará desperdícios.

Em um telão, Edilson apresentou aos presentes o resumo de uma auditoria, a qual demonstra que a Prefeitura de Toritama tem gastado mais dinheiro do que tem arrecadado nos últimos anos. Para o prefeito eleito, esse seria o problema mais grave das finanças municipais. Edilson explicou que a razão da Prefeitura gastar mais dinheiro do que recebe, se dá pelo excesso de funcionários públicos contratados, para cargos desnecessárias, redundantes e também devido aos marajás. Para Edilson Tavares, a solução desses problemas nas finanças municipais poderá ser resolvido reduzindo todas as despesas e economizando os recursos.

Sobre a eleição para a presidência da câmara de vereadores, Edilson Tavares esclareceu que a sua posição é de neutralidade. “Não estou fazendo campanha pra nenhum candidato a presidência da Câmara de Vereadores de Toritama, escrevam isso. Talvez pela minha pessoa não ter se envolvido nessa disputa, seja o motivo de hoje eu contar com o apoio espontâneo, para o meu governo, de 11 dos 13 vereadores que foram eleitos, em 02 de outubro. Isso é fazer diferente na política”, disse Edilson Tavares.

Por Éder Mateus

0 comentários:

Postar um comentário