2 de janeiro de 2017

PREFEITO TOMA POSSE E ANUNCIA RENÚNCIA DO PRÓPRIO SALÁRIO

PARAÍBA- Após tomar posse, prefeito na PB anuncia renúncia de próprio salário e corte de 30% em secretarias. A economia, em quatro anos, chegará à R$ 960 mil reais, já que a remuneração de prefeito na cidade gira em torno de R$ 20 mil.

O prefeito empossado de São Bento, Jarques Lúcio, do DEM, anunciou, neste domingo (1º), que vai renunciar o direito ao seu salário como agente político. A economia, em quatro anos, chegará à R$ 960 mil reais, já que a remuneração de prefeito na cidade gira em torno de R$ 20 mil. O gestor tomou posse nesta manhã na Câmara Municipal.

“O Brasil vive a maior crise da sua história, do ponto de vista financeiro, do ponto de vista político, do ponto de vista moral. São Bento vive também paralelamente a pior crise da sua história. Tem um Instituto de Previdência falido, tem atraso de folha de pagamento, então São Bento vive o pior momento administrativo”, justificou Jarques Lúcio.

O prefeito informou também que manterá seus vínculos com o Hospital Universitário, onde é concursado, e do Hospital Santa Isabel, ambos em João Pessoa. “Esses vínculos juntos me darão a metade do valor que eu receberia como prefeito. Eu vou fazer o corte para mim de 50%, para o município ficará todo 100% do meu salário”, disse.

Além da renúncia dos vencimentos, Jarques informou que das dez secretarias em São Bento, três permanecerão sem titularidade, gerando uma economia de 30% em relação ao número de pastas. As secretarias que ficam sem titulares são as de Meio Ambiente, Assessoria Especial e Esporte, Cultura e Lazer.


DO BLOG DO GORDINHO

0 comentários:

Postar um comentário