28 de outubro de 2017

LOUVA SANTA CRUZ 2017 TEM PROGRAMAÇÃO DEFINIDA E CELEBRARÁ 500 ANOS DA REFORMA PROTESTANTE

A Comissão do Louva Santa Cruz e representantes do Poder Público municipal estiveram reunidos para ajustar os últimos detalhes do Louva Santa Cruz 2017, que este ano comemora os 500 anos da Reforma Protestante.

De acordo com o que ficou definido, a festividade, em sua sexta edição, acontecerá no dia 01 de novembro às 19h na Avenida 29 de dezembro. A programação ficou definida com shows de Rivonaldo e banda, e Romanos 13 (ambas locais) e o cantor Samuel Mariano, que deverá se apresentar às 21h com show e ministração da palavra.

Samuel Mariano tem sucessos como ‘Eu Sei que Dói’, ‘Reatando a Amizade’ e ‘Um Homem, Um Tanque, Uma Cama’. Cantor e compositor, nasceu em Barreiros, interior de Pernambuco, e já emplacou hits que são sucessos pelo país. A canção mais requisitadas e tocadas nas igrejas ‘É mistério’.

“É um evento que vem crescendo a cada ano, com aceitação tremenda da população. Pessoas da região também prestigiam esse evento e, através da vitória do prefeito em 2012, o mesmo colocou no coração esse desejo, e em 2013 foi efetivado pela Câmara de Vereadores, instituindo o evento como parte do calendário municipal”, comentou Berg Alves, um dos coordenadores do Louva Santa Cruz.

O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, comentou sobre a gratidão em realizar este evento, e exaltou a participação e aceitação de toda população em todas as cinco edições já realizadas. “Tenho a satisfação em ser prefeito e agradeço a Deus pela oportunidade de realizar esse evento que chega ao sexto ano em nossa administração”, disse.

Reforma Protestante – foi um movimento reformista cristão culminado no início do século XVI por Martinho Lutero, quando através da publicação de suas 95 teses, em 31 de outubro de 1517 na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg, protestou contra os diversos pontos da doutrina da Igreja Católica Romana, propondo uma reforma no catolicismo romano.

0 comentários:

Postar um comentário